Páginas

16 de dez de 2010

Agenda da Caminhada Discipular 2011: tem tudo e custa apenas R$ 10,00


Um discernimento forte e permanente que o Senhor sempre deu ao DJC foi este: o discípulo só cresce caminhando, com passos concatenados entre si, com oração e acompanhamento comunitário-personalizado.
A esta caminhada de crescimento chamamos de Caminhada Discipular.

E mais: de um lado, tal Caminhada Discipular não pode nem fugir da realidade dos discípulos (corre-corre do trabalho ou estudo, enfermidades, pouco ou muito dinheiro, família, namoro, etc); mas também de outro lado, não pode deixar de ir no rumo do crescimento, superando a preguiça, a desorganização ou indisciplinas que geram o atrofiamento e a morte pessoal e comunitária.

Desse discernimento, nasceu a Agenda da Caminhada Discipular.

Na verdade, é mais que uma agenda. É é uma bússola que ajuda tanto o discípulo como o DJC no seu conjunto a permanecer no rumo, atendo-se ao essencial, a ficar sempre discernindo e se projetando.

A cada ano a Agenda vai melhorando, seguindo o próprio crescimento do DJC.

A Agenda 2011 tem tudo, tem tudo mesmo que o DJC e cada diuscípulo precisam para sua caminhada no seguimneto de Jesus: dados pessoais, espaço com liturgia diária para prática da MOPD, espaços para compromissos, folhas pras disciplinas pessoais e comuns, informações importantes, folhas para registros do Histórico da Caminhada Discipular.

A Agenda 2011 tem tudo, tem até o folder para a Contribuião Fiel!

E melhor. Como nosso objetivo é ajudar cada discipulo a caminhar, custa apenas R$ 10,00.

Adquira a sua Agenda da Caminhada Discipular 2011 no Apostolado da Infraestrutura ou no escritório do DJC, lá na Casa Graça e Paz (Socorrinha).

Pe. Marcos Oliveira

12 de dez de 2010

Disciplina Comum 2011 do DJC

 
Organismo/Obra: DJC

Vínculo:

1) Objetivo geral do DJC
Reavivar e desenvolver integralmente a vida cristã-batismal na perspectiva do seguimento de Jesus Cristo.

2) Objetivo específico da Fraternidade de Aliança: A Fraternidade de Aliança congrega todos os DCAs, tendo por objetivo principal cultivar a irmandade e a espiritualidade, e orientar e articular toda a vida e missão dos mesmos. Através destes, todo DJC é acompanhado.

3) Estratégias
Considerando o Método de Evangelização e Acompanhamento de Discípulos do DJC:

- Realizar encontros quinzenais dos DCAs, juntos ou separadamente para irmandade, oração, formação, partilha e encaminhamento.

- Retiro de espiritualidade e confraternizações.

- Zelar pela Identidade DJC a partir dos nossos estatutos.

- Manter a periodicidade das Publicações do Discipulado, com bom conteúdo e senso de metodologia, custos, distribuição logística, uso efetivo nas bases, etc.

- Cultivar toda uma disciplina geral, sobretudo mantendo datas fixas e linguagem interna comum que ajudem a dar referência, pontualidade, articulação, entendendimento e eficácia.

- Ministrar os encontros de aliança, seja por Fraternidade ou sub-fraternidade.

- Realizar bons eventos gerais como o Reavivamento no Espirito Santo, Kairós, Festejos de São Paulo e a Confraternização Graça e Paz.

- Editar o blog da Fraternidade de Aliança.

- Favorecer que o Conselho Geral seja o ponto de unidade, irmanação e articulação, na diversidade, comunhão e participação dos diferentes organismos, mas também de garantias para o DJC não fugir da sua Identidade, não sofrer prejuízos humanos, espirituais e materiais.

- Acompanhar os DCAs, sobretudo nas tardes das segundas-feiras, tendo por referência as Disciplinas Comuns e a sua Disciplina Pessoal anotada na Agenda da Caminhada Discipular.

- Favorecer a atuação dos ministérios gerais nas reuniões do Conselho Geral, encontros de aliança e eventos gerais do DJC, para que tal metodologia mantenha a ministerialidade ativa e organizada e também sirva de exemplo e seja repetida nos outros níveis do DJC.


4) Ministerialidade
Considerando a Estrutura Básica do nosso DJC:

- Acompanhante Geral: Pe. Marcos Oliveira

- Ministro Geral de Desenvolvimento Integral: Edmar
Coordenador do Serviço Geral de Formação: Joênio

- Ministra Geral das Vocações: Lidiane

- Conselheiros Gerais dos Jovens: Edilma e Eduardo

- Conselheiros Gerais dos Adultos: Otinha e Luciê

- Conselheiros Gerais dos Casais: Derim e Evanda, Neto e Zuleide

- Conselheiros Gerais da Bênção: Leila e Ercílio
Coordenadora do Ministério Geral de Devoção Mariana: Socorro França

- Conselheira Geral das Artes: Sheila
Coordenador do Ministério de Música Geral: Helton

- Conselheiras Gerais da Infraestrutura: Socorro e Rizete

Coordenadora do Ministério Geral de Tesouraria: Rizete

Coordenador do Ministério Geral de Secretaria: Renata Naira

Coordenador do Ministério Geral de Comunicação: Carlos Filho
Coordenadora do Serviço Geral de Fotografia: Almada Marques

5) Agenda 2011

Janeiro:
21 a 23 – Retiro de Espiritualidade e Celebração da Aliança, na Casa Graça e Paz (Maracanaú)

Março:
6 a 8 – Reavivamento no Espírito Santo, na Vila Olímpica do Canindezinho (Fortaleza)

Junho:
Festejos Paulinos

Julho:
31 (último domingo) - Confraternização Graça e Paz, na Fraternidade de Aliança (Maracanaú)

Novembro e Dezembro:
Kairós, a festa do Rei Jesus, nos DJCs Locais.

Datas fixas que faltam ser agendadas durante o ano 2011:
Segundas-feiras, à tarde: Acompanhamento personalizado dos DCAs, na Casa Graça e Paz
Primeiras segundas-feiras: Conselho Geral
Segundas segundas-feiras: Fraternidade de Aliança, na Casa Graça e Paz
Terceiras segundas-feiras: Corpo de Apostolado Geral
Quartas segundas-feiras: sub-Fraternidades de Aliança


Feliz caminhada Discipular 2011 !

Pe. Marcos Oliveira
Acompanhante Geral

8 de dez de 2010

Confraternização DCAs e Vocacionados


Alô DCAs e Vocacionados!

Graça e Paz!

Dia 13, a partir das 13h, entrando pela noite, teremos nossa Confraternização Natalina, lá na Casa Graça e Paz!

Maiores informações no Apostolado da Infraestrutura (Socorrinha).

Feliz Natal!

2 de dez de 2010

Construção do DJC Antonio Bezerra


Estou acompanhando de longe a fundação do DJC Antonio Bezerra.

De modo que, desta forma, tenho a possibilidade de ir meditando toda nossa história como DJC, a vocação e a missão que Deus nos concedeu, bem como os passos fundamentais que devem ser dados de modo concatenado e sistemático na construção de um DJC Local.

Foi Deus mesmo quem foi nos formando durante nossa história.

Agora, temos a possibilidade de retomar toda nossa experiência e aperfeiçoá-la, tendo em vista a construção de um DJC Local selado com a nossa identidade e com eficácia tanto para a organização interna como para a vivência do nosso Método de Evangelização e Acompanhamento de Discípulos (MEAD)...

Isto sem esquecer que os membros do DJC não são pessoas consagradas exclusivamente para obra, mais leigos muito ocupados no dia-a-dia com trabalho, escola e demais surpresas da vida.

Então tudo tem que ser feito no rumo dos cem por cento do nosso objetiuvo geral, mas com passos concretos bem discernidos e concatenados entre si, para não corrermos o risco de estafa, saturamento e desorganização fatal.

A regra geral é que se comece só pelo Siloé; que este seja sempre realizado com muita mistagogia; que do mesmo possam ir nascendo serviços bem preparados e ungidos e só depois, quando houver gente suficiente, formar as Fraternidades Cristãs.

A fundação do DJC Antonio Bezerra recorda as nossas origenes e aponta para um futuro cheio de prosperidade missionária. O bom nisso tudo que não sou eu quem estou fundando diretamente, mais os próprios discípulos leigos levando adiante este movimento católico de evangelização.


Memória:
A fundação do DJC Antonio Bezerra começou com a Renata e o Carlos Filho, que veio ajudá-la nos encontros iniciais de oração, nos sábados à tarde. Podemos dizer que neste período inicial foram feitas as primeiras sondagens e os primeiros convites. É assim que um DJC Local vai sendo construído. Passos iniciais já voltados para o futuro, Deus vai iluminando, um e outro vai sendo convidado, um desiste e outro persevera, depois mais um entra e persevera também...

Depois de mais ou menos dois meses, peço para o Edmar e Missão Aos Pés da Cruz virem reforçar a fundação do DJC Antonio Bezerra.

Edmar assume o acompanhamento local; Helton e companhia assumem o ministério de música e iniciam o Siloé todas as quintas-feiras á noite, lá no salão paroquial. Renata fica ajudando no recém-criado Apostolado da Infraestrutura, sob o acompanhamento do Edmar e assessoria da Socorrinha. Carlos Filho volta para o DJC Manoel Sátiro, donde veio como missionário, tendo em vista uma melhor forma de conciliar sua vida escolar e caminhada cristã.

Neste segundo momento, intensificam-se os convites e panfletagem para o Siloé. Mais gente começa a participar, dentro daquele processo de perseverança de uns e desistência de outros. O certo é que toda semana os encontros de oração do Siloé vão ajudando tanto o pessoal a mergulhar na graça de Deus como a irem se integrando como irmãos em Cristo Jesus dentro do DJC.

Desde sempre o pessoal participante vai sendo convidado para comprar a camisa do DJC, ir para a Confraternização Graça e Paz (em julho) e também a adquirir e ler o Irmanador Discipulado.

Orientado por mim, peço para o Edmar se concentrar só no Siloé e na criação de Serviços para o próprio Siloé. A partir da experiência acumulada, normalmente não é bom criar Fraternidades Cristãs logo de início, pois confunde os novatos e embaralha e satura todo mundo.

Então o Edmar começa a convidar pessoas perseverantes para irem assumindo serviços do Siloé como devoção mariana, liturgia e acolhimento. E também começa a realizar a reunião dos Servidores todas as terceiras segundas-feiras, conforme estabelecem os nossos Estatutos.

Com os primeiros servidores caminhando, o DJC Antonio Bezerra deu mais um passo de eclesialidade e começou assumir duas missas mensais na Igreja Matriz.

Considerando nosso Método de Evangelização e Acompanhamento de Discípulos, com a ajuda de DCAs provenientes de outros DJCs Locais, foi realizado o Reavivamento no Espírito Santo durante oito Siloés seguidos. Antes o Edmar repassou para os servidores o Temário 0, que é sobre o Reavivamento, e orientou os servidores acerca do mesmo.

Agora em dezembro de 2010, após o Reavivamento acima mencionado, com a devida autorização do Edmar, o DJC Antonio Bezerra vai começar uma campanha de visitas às famílias sob a liderança dos seus idealizadores, Reginaldo e Josy. Antes, eles também tiveram a idéia de fazer um caderno de cadastro de todas as pessoas que já passaram pelo Siloé, quer tenham vindo só uma vez ou não. Aí anotaram nome e endereço. Com este caderno vão começar as visitas, seguindo um roteiro de oração pelas famílias e terminando com um fraterno convite para também participarem do Siloé.

Quando possível, na casa visitada ficará uma imagem de Jesus Cristo, Senhor do DJC. Então, a família será convidada a devolver esta imagem no Siloé seguinte. São maneiras de ir enfatizando o Senhorio de Jesus e ao mesmo tempo ir abrindo caminhos de integração das pessoas visitadas com o seu Discipulado. É claro que, além de alcançar a família visitada, também os vizinhos e parentes também serão evangelizados e convidados para o Siloé.

Interessante é que outras pessoas estão se juntando a Josy e Reginaldo para estas visitas de evangelização e já têm uma boa lista de famílias que irão visitar nos próximos dias.

Mas a idéia é que esta campanha seja um serviço permanente, o que se encaixa muito bem dentro do Serviço de Acolhimento. Pois longe do Serviço de Acolhimento só acolher na porta do Siloé ou de outros eventos do DJC, acolher significa também anotar o nome, manter contato e ir em busca daquele que veio uma vez, ou nunca veio, manifestando a alegria de sua presença e fazendo realmente um convite fraterno para caminharem no DJC, como tão bem Reginaldo e Josy estão discernindo.

Desde os inícios, o DJC tem que ser marcado pela oração, unidade, irmandade e evangelização. O Siloé favorece tudo isso.

Lembramos o que São Paulo dizia em algum local da Bíblia Sagrada: Quem semeia muito, colhe muito. Quem semeia pouco, colhe pouco!

Nos últimos dois meses, dois servidores manifestaram compromisso mais radical que os demais, no sentido de estarem demonstrando ter vocação para serem Discípulos Comprometidos de Aliança. Por isso os convidamos para participar do Vocacional, disseram SIM e já estão dando passos no rumo de uma integração mais geral com todos DCAs e possivelmente para celebrarem aliança com Deus dentro do DJC.

Quero concluir aqui que na fundação de um DJC Local:

- É bom iniciar só com o Siloé semanal;

- Acompanhante Local ir criando serviços em prol do mesmo Siloé, com a assessoria dos conselheiros gerais dos Apostolados;

- ir reunindo os servidores nas terceiras segundas-feiras;

- ir incentivando uso da camisa e dos subsídios;

- ir incentivando os convites, visitas de evangelização e acolhimento;

- e só depois que um bom número de pessoas já estiverem caminhando e servindo, começar as Fraternidades Cristãs com a permissão tanto do Acompanhante Local, mas também dos Conselheiros Gerais dos Discipulados Específicos e sob assessoria dos mesmos.


O desafio do DJC Antonio Bezerra é fazer surgir servidores e DCAs comprometidos com a vida e a missão do DJC para darem continuidade ao trabalho de evangelização mesmo quando aqueles que estão vindo ajudar de fora não puderem vir mais.

Deus provê, Deus proverá. A sua misericórdia não faltará!!!

Mãos e coração à obra discípulos de Jesus!

Pe. Marcos Oliveira
Acompanhante Geral